Aprenda Como EMAGRECER De Vez de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...   Coloque seu E-mail para te enviar o Material que vai mudar a sua vida....

Doenças

Garganta Inflamada – Causas, Remédios, Sintomas. Tudo sobre!

Sentir dores na região da garganta é muito complicado, quem já vivenciou essa dor sabe o quão incomodo ela é. Isto porque é nessa área que realizamos nossa principal atividade do corpo, a alimentação. Quando estamos com dor de garganta fica difícil de engolir e consequentemente de se alimentar bem.

Dessa forma, muitas pessoas ficam sem comer quando estão com dor de garganta, mas afinal o que fazer? Saiba tudo aqui neste post.

10 SINTOMAS DE GARGANTA INFLAMADA

Garganta Inflamada.

Existem dez sintomas que são os mais recorrentes em pessoas que sofrem com a dor de garganta, são eles:

  1. Dificuldades para engolir;
  2. Dor de garganta;
  3. Dores na mandíbula;
  4. Garganta seca;
  5. Glândulas inchadas no pescoço e mandíbula;
  6. Manchas brancas;
  7. Presença de pus nas amígdalas;
  8. Sensação de calor na garganta;
  9. Sensação de garganta arranhada;
  10. Voz rouca e abafada.

Outros sinais podem estar associados com a dor de garganta, o mais comum é a falta de apetite ou a dificuldade em comer. A pessoa fica com tanta dor que não consegue comer direito, o que acaba provocando outros sintomas.

E as causas para uma dor de garganta podem variar de um vírus para uma bateria, entretanto, os sintomas são os mesmo:

  • Coriza;
  • Dor de cabeça;
  • Dor no fundo dos olhos.
  • Dores musculares;
  • Dores no corpo;
  • Espirros;
  • Febre;
  • Indisposição;
  • Sonolência;
  • Tosse seca;
  • Vômitos;

Quando esses sintomas surgem pode saber que o problema é uma garganta inflamada, sendo necessário a consulta com um médico o qual irá indicar o melhor remédio para aliviar os sintomas.

 

CAUSAS

Uma garganta inflamada pode ser provocada por diferentes fatores, dentre os mais conhecidos temos:

  • Alergias;
  • Bactéria estreptococos do grupo A (mais comum), C e G.
  • Faringite e Amigdalite;
  • Herpangina;
  • Herpes;
  • Infecção aguda pelo HIV;
  • Mononucleose;
  • Resfriados ou gripe;
  • Rinite, sinusite conjuntivite;

TRATAMENTO

Garganta Inflamada.

Assim que se percebe os sintomas, de uma inflamação, o médico irá entrar com medicamentos como anti-inflamatórios e antibióticos, que servem apara reduzir os sintomas.

O paciente irá sentir uma melhora em apenas 3 dias de uso, porém mesmo que os sintomas desapareçam, é preciso seguir com o tratamento até o fim, pois a inflamação na garganta pode reaparecer e vir com mais força.

REMÉDIOS MAIS INDICADOS

Veja quais são os medicamentos mais utilizados quando o problema é inflamação na garganta:

  • Amoxicilina(antibiótico)
  • Azitromicina(antibiótico)
  • Diclofenaco sódico(anti-inflamatório não esteroide)
  • Ibuprofeno(anti-inflamatório, anti-térmico e analgésico)
  • Nimesulida(anti-inflamatório)

REMÉDIOS CASEIROS PARA GARGANTA INFLAMADA

Para pessoas que não gostam de toma remédios, devido as substancias que os compõem, temos indicações de remédios caseiros que servem para o tratamento de garganta inflamada, os mais comuns são:

  • Gargarejo com água morna e sal
  • Gargarejo com bicarbonato de sódio e vinagre
  • Pastilhas e balas para dor de garganta (podem ser feitas de mental, boldo, gengibre, anis ou pistache)
  • Própolis
  • Tomar sucos cítricos (não podem estar gelados)

Além desses tratamentos que servem para combater as inflamações, é interessante que você saiba quais alimentos devem ser inclusos na sua dieta para evitar o surgimento da garganta inflamada. Confira quais os alimentos que não podem faltar no seu cardápio:

  • Alimentos com vitamina C
  • Alimentos integrais (arroz, feijão, etc)
  • Mel e aveia
  • Sucos cítricos (laranja, limão, tangerina)
  • Tomar muito chá (gengibre, camomila, boldo, menta, canela)

FATORES DE RISCO

Outro cuidado que você precisa ter é com os excessos. Ou seja, evite certas situações, pois elas colaboram com o surgimento da inflamação na garganta, como, por exemplo:

  • Muita exposição ao frio;
  • Uso excessivo da voz;
  • Baixa umidade do ar.

 

Gostou deste artigo? Para ver mais artigos interessantes como este Clique Aqui!

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.