Aprenda Como EMAGRECER De Vez de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...   Coloque seu E-mail para te enviar o Material que vai mudar a sua vida....

Doenças

O que é Hemorroida? – Causas e tratamento

Aproximadamente 5% da população sofre com essa doença. A hemorroida é uma complicação que traz muito incomodo para a pessoa que a tem. Isto porque, a hemorroida é uma doença que provoca dor, sangramento e muita coceira no local.

Normalmente, a hemorroida se dá no anus da pessoa, onde ocorre a inflamação de uma veia que está dilatada. Esse problema pode ser interno ou externo, dependendo da pessoa, porém tem como tratar e você vai descobrir como.

O QUE É HEMORROIDA

As hemorroidas são veias que estão inflamadas e que acabam ficando inchadas por conta disso. Elas podem estar localizadas tanto na parte interna quanto externa do anus ou do reto. Além disso, dependendo do nível da doença, ela pode forma bolhas, que conforme aumentam ficam mais expostas.

O que é Hemorroida

Por isso, as hemorroidas são classificadas como:

  • Grau 1 –Hemorroida escondida no interior do ânus, com pequeno aumento das veias
  • Grau 2 –Hemorroida que está no interior do ânus e sai no momento da evacuação, retornando sem auxílio
  • Grau 3 –Hemorroida que está no interior do ânus e sai no momento da evacuação, precisando ser colocada de volta ao interior com o auxílio das mãos
  • Grau 4 –Hemorroida que está no interior do ânus, que sofre um aumento tão grande que sai pela região anal, podendo causar até a saída da parte final do intestino.

HEMORROIDA INTERNA – SINTOMAS, REMÉDIO, TRATAMENTO

Nesse caso encontramos a hemorroida localizada no reto do paciente, o que resulta em dores e também no sangramento quando a pessoa vai evacuar. Para tratar é necessário aumentar as fibras na sua alimentação, e tomar anti-inflamatórios e anestésicos.

CAUSAS DA HEMORROIDA

Diferentes fatores podem causa essa doença. Dentre eles podemos citar:

O que é Hemorroida

  • Cirrose
  • Constipação (prisão de ventre crônica) e esforço no momento da evacuação
  • Desidratação
  • Diarreia crônica
  • Dieta inadequada sem fibras
  • Gravidez
  • Hábito de segurar as fezes quando se tem vontade de evacuar
  • Histórico de hemorroida na família
  • Infecções anais
  • Obesidade
  • Permanecer longos períodos no vaso sanitário sem evacuar
  • Permanecer sentado por longos períodos
  • Resfriados
  • Sexo anal
  • Tabagismo

E mais, crianças e mulheres grávidas não escapam dessa doença; a hemorroida pode afetar qualquer pessoa. É preciso que você fique em alerta com o aparecimentos dos sintomas

SINTOMAS E DIAGNÓSTICO

A doença pode ou não vir acompanhada de sintomas. Por exemplo, pessoas que possuem hemorroidas internas, normalmente só iram notar a doença devido ao sangue presente nas fezes, do contrário é mais difícil identificar.

Diferentemente, das hemorroidas externas, as quais é possível observar os sintomas a olhos nu, além de que a pessoa sente mais dores quando é externa.

Porém, de qualquer maneira, é necessário consultar um médico, pois somente ele poderá dar um diagnóstico final com relação a sua doença, pois pode ser outra coisa, como um tumor, por exemplo.

TRATAMENTO

Normalmente, o médico irá indicar uma pomada a ser passada no local, para que os sintomas diminuam. Além disso, o tratamento irá durar cerca de uma semana, de acordo com o nível do caso. No mais, se a pessoa estiver com dificuldades em usar o banheiro, certamente que o médico irá indicar alguns laxantes para facilitar a evacuação no paciente.

Outra dica para evitar que a doença perdure mais tempo, é começar a evitar o uso de papel higiênico para se limpar. O ideal é que quem está com hemorroidas utilize lenços umedecidos ou lave a região. Pelo fato de que o atrito com o papel pode provocar maiores lesões e irritações na doença, fazendo com seu os sintomas fiquem mais um tempo.

Agora uma dica para que você consiga evitar o surgimento dessa doença em sua vida. Lembre-se de tomar bastante água durante o dia, comece desde já uma alimentação ria em fibras e por fim, tome muito cuidado ao higienizar a região anal.

Gostou deste artigo? Para ver mais artigos interessantes como este Clique Aqui!

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.