Aprenda Como EMAGRECER De Vez de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...   Coloque seu E-mail para te enviar o Material que vai mudar a sua vida....

Cantora Thaeme recorre a alternativa natural para acelerar a queima de gorduras

Dicas de Saúde

Dor na lombar – Saiba aqui como aliviar, prevenir e as causas da dor

Dores lombares são muito comuns entre as pessoas. Ela também pode ser chamada de lombalgia. Para quem não sabe, a lombar está localizada na região da parte debaixo de nossas costas, próximo a bacia.

E quando ocorre a dor no local, é algo extremamente chato e incomodo para a maioria das pessoas que vivenciam esta dor em algum momento da vida.

É interessante ressaltar que quem tem lombalgia se enquadra em um caso complexo, e mais, o número de pacientes com dores lombares só aumenta a cada ano. E o pior é que essa dor é sempre ignorada pelas pessoas, até que se transforme em algo insuportável.

Segundo informações oferecidas pela Organização Mundial de Saúde, conhecida pela sigla OMS, essas dores na região lombar atinge cerca de 85% da população.

É um dado alarmante e precisamos nos prevenir. Caso você não faça parte dessa estatística que mostramos, existe uma grande chance de desenvolver, por isso esteja sempre em alerta. Ler e se informar sobre o assunto é uma ótima maneira de se prevenir.

Dor na lombar

CAUSAS DA DOR NA LOMBAR

O diagnóstico de uma dor lombar pode ser feita de duas formas, pois ela possui uma dupla classificação, sendo ela aguda ou crônica, entenda mais:

  • Dores na lombar consideradas como aguda é conhecida popularmente como o famoso mau jeito nas costas – ela surge de maneira repentina, principalmente depois de realizar esforço físico e é mais frequente no público jovem,
  • Enquanto que lombalgia crônica é encontrada em pessoas de mais idade, e tem como característica a dor duradoura, porém não é tão intensa.

De qualquer maneira, ela é incomoda e possui algumas possíveis causas, conheça-as na lista a seguir:

  • Ocasionada por problema na postura, isto é, ficar em posição errada no momento de sentar ou quando vai dormir, são exemplos comuns,
  • Distensões musculares, quando a pessoa levanta algo que é muito pesado de forma errada,
  • Hérnia de disco,
  • Espondilolistese,
  • Escoliose,
  • Estenose espinhal,
  • Ocorrência de Inflamação,
  • Pessoas sedentárias,
  • Peso excessivo,
  • Gravidez,
  • Problemas de Artrose, que é a degeneração das articulações,
  • E até mesmo dificuldades emocionais, como o estresse.

Outro fator bastante comum é a alteração dos elementos que compõem a coluna, sendo mais especifico, o disco intervertebral. Este elemento, durante os anos, se torna mais desidratado, também quebradiço e principalmente mais rígido. Com isso sua resistência diminui.

COMO EVITAR A DOR NA LOMBAR

Dor na lombar

Caso você tenha esse problema, lembre-se do que foi dito no início do texto: tem como prevenir, veja as formas abaixo:

  1. Durante a caminhada, quando for se sentar ou dormir, mantenha sempre uma boa postura,
  2. Faça alongamentos antes de práticas esportivas ou quando for levantar algum objeto pesado,
  3. Mude de posição com frequência, ficar curvado prejudica a lombar,
  4. Caso precise se abaixar, utilize os joelhos, evite de agachar com a coluna,
  5. Tente manter um peso equilibrado para seu corpo,
  6. Faça atividades que fortaleçam a região da lombar, como abdominais,
  7. O colchão também influencia, compre um que não seja mole ou duro demais.

Apesar dessas dicas serem muito importantes e que devem ser praticadas, a ida a um médico não se deve descartar. Pois somente ele poderá te dar um diagnóstico.

REMÉDIOS PARA DOR NA LOMBAR

Está pensando em utilizar remédios para diminuir a dor? Então, fale com seu médico. Normalmente, os medicamentos mais utilizados para esse tipo de situação são:

  • Anti-inflamatórios tipo o Ibuprofeno, por exemplo,
  • Relaxantes musculares que são o Coltrax e também o Miosan.

Fora essas duas sugestões dadas acima, você ainda pode optar por analgésicos que farão a vez para reduzir a dor. Entretanto, nunca deixe de consultar o seu médico.

 

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.