Aprenda Como EMAGRECER De Vez de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...   Coloque seu E-mail para te enviar o Material que vai mudar a sua vida....

Cantora Thaeme recorre a alternativa natural para acelerar a queima de gorduras

Dicas de Saúde

Dor na Panturrilha – Como curar, O que fazer, Quais as causas?

Sentir dor sempre resulta em uma situação desagradável. Porém quando essa dor é na região das pernas é ainda pior, pois através dela é que nos movemos, quando sentimos dor, temos maior dificuldade em se locomover.

Dentre as diferentes dores que podemos sentir na região da perna, aqui nesta postagem iremos falar sobre a dor na panturrilha. Essa dor não ocorre de um lado especifico, ou seja, não é nem exclusividade do lado direito ou esquerdo.

O local onde fica a panturrilha é composta apenas por tendões, músculos, ligamentos, nervos e vasos sanguíneos.

Devido a sua composição ser feita a partir de diferentes estruturas, a dor na panturrilha gera dúvidas com relação aos fatores que causam a dor.

Dor na Panturrilha

QUAIS SÃO AS CAUSAS DA DOR NA PANTURRILHA?

Nenhuma dor em nosso corpo surge sem motivo, tudo tem uma razão de estar acontecendo, cabe a nós buscarmos respostas.

Antes de entender as causas do problema, é importante conhecer como é o funcionamento dessa região do corpo.

Pois bem, o sangue ele circula por tono o nosso organismo. Ele entre de forma pura, o coração bombeia o sangue para todas as regiões incluindo a dos pés, após feito todo o percurso o oxigênio volta, mas de forma impura.

Mas o que isso tem a ver com as dores na panturrilha? Tudo na verdade, pois a principal causa de uma dor nessa região é devido à má circulação de sangue no local. Se por ventura não estiver correndo sangue nessa parte da perna, você terá sérios problemas para conseguir se movimentar normalmente.

Nesta situação, as dores irão aparecer principalmente nos dias em que você estiver caminhando ou realizando algum tipo de esforço físico. Veja o que podemos considerar como principais causadores nesta dor:

  • Açúcares em excesso,
  • Alimentação regada em gordura animal,
  • Colesterol em excesso das frituras,
  • Diabetes,
  • Estresse crônico,
  • Hipertensão,
  • Sedentarismo, e

Mas, devemos saber que não são apenas esses os fatores, existem outros que contribuem para o surgimento de dores na panturrilha, veja quais sao:

  1. Câimbra muscular,
  2. Falta de minerais no organismo,
  3. Má postura,
  4. Pancadas,
  5. Rompimento ou estiramento muscular,
  6. Ruptura do tendão de Aquiles,

Sempre que dores anormais iniciarem em seu corpo, procure um especialista pra que ele possa te dar uma diagnóstico e te orientar corretamente com relação ao tipo de tratamento que dever ser feito.

Dor na Panturrilha

COMO EVITAR A DOR NA PANTURRILHA

É possível evitar as dores? Com toda a certeza, é preciso criar certos costumes para conseguir diminuir a sensação de dor na panturrilha, são atitudes bastante simples, mas que fazem toda a diferença. Toda pessoa pode:

  • Beber muita água,
  • Consumir alimentos que possuam sódio e potássio,
  • Evitar alimentos gordurosos,
  • Lidar com o estresse,
  • Parar de fumar,
  • Praticar atividade física regular,
  • Se diabético ou hipertenso: fazer um controle rigoroso.

Assim que a dor começar a te incomodar, busque repouso por um período, para aliviar a tensão e assim diminuir a sensação de dor. Outra recomendação bastante simples é o início de práticas físicas. Sempre se alongue, em especial quando acordar, se massageie de vez em quando, faz bem.

REMÉDIOS PARA A DOR NA PANTURRILHA

Como foi possível observar anteriormente a dor que ocorre na panturrilha possui diferentes fatores que a causam. Devido a esse motivo não existe um único tratamento para lidar com este tipo de dor, é preciso saber o motivo para então tratar.

É bastante comum, que o médico recomende para dores na panturrilha medicamentos anti inflamatórios e até mesmo relaxantes musculares. Os medicamentos que são sugeridos:

  • Aspirina,
  • Calminex,
  • Paracetamol,

Se for o caso, o médico pode até indicar a continuidade do tratamento, só que com um fisioterapeuta especialista no assunto.

Gostou deste artigo? Para ver mais artigos interessantes como este Clique Aqui!

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.